10 Empresas que utilizam Micro Expressões para lucrar mais

Tempo de leitura: 4 minutos

Micro Expressões Faciais não é achismo e muito menos ficção, apesar de ter sido retratada no seriado Lie to me, Micro Expressões Faciais se trata de estudos sobre emoções e comportamentos.

Nossas emoções são externadas de diversas maneiras, mas é através da face que elas se manifestam primeiro, para depois serem refletidas para os movimentos e gestos corporais.

Mas a pergunta que todo principiante ou curioso pelo tema faz é: Para que eu aprenderia sobre Micro Expressões e Linguagem Corporal? A resposta você vai encontrar nesse post!

Micro Expressões Faciais no Mundo Corporativo

Bem, poderia dar zilhões de motivos, já que você é um ser humano e não vive isolado em uma bolha e muito menos está em outro planeta, mas ao invés de lhe mostrar o porque você deveria aprender, vou mostrar algumas empresas que aderiram a Inteligência Não Verbal e tem lucrado muito.

Aqui citarei apenas algumas empresas que estão utilizando essa poderosa ferramenta para aumentar seus lucros. Em outro post, irei fazer revelações muito mais surpreendentes. Aguarde…

Coca Cola Company

A Coca-Cola, a mais notória marca de refrigerantes do planeta, utiliza no neuromarketing para avaliar as emoções dos clientes sobre seus produtos, através de técnicas de reconhecimento facial.

Micro Expressões

Disney

A Disney, a maior empresa de entretenimentos do planeta, faz o uso do FACS – Facial Actions Coding System, para avaliar a reação dos telespectadores ao assistirem seus filmes e desenhos.

 

 

Leia o artigo do Poder da Linguagem Corporal no Império Disney

 

Pixar

Pixar, empresa comprada pela Disney e a mais criativa no mercado de animações gráficas, faz o uso do FACS – Facial Actions Coding System para criar os movimentos dos seus personagens e levar ao telespectador mais envolvimento.

Micro Expressões

 

Apple

Apple recentemente incorporou no seu Iphone X o desbloqueio por meio da expressão do usuário, que só foi possível devido o software implementado, que faz o mapeamento do rosto, o que é a decodificação do rosto para destravar o aparelho.

Micro Expressões

Leia o artigo sobre uso de Micro Expressões Faciais na produção do Iphone X

LVMH

A holding francesa especializada em produtos de luxo LVMH, dona de marcas como Louis Vitton, Dior, Hermes, Chandon, Dom Perignon, dentre outras, faz o uso de análise da expressões faciais com utilização de softwares para medir a satisfação de seus clientes.

Goldman Sachs Group

A Goldman Sachs Group, Inc. é uma das principais empresas globais de banco de investimento, gestão de valores imobiliários e de investimentos, que fornece uma ampla gama de serviços financeiros para uma base de clientes substancial e diversificada que inclui corporações, instituições financeiras, governos e pessoas físicas com patrimônio líquido elevado, faz o uso do FACS no recrutamento e seleção de profissionais que se candidatam a uma vaga.

Tesco

Tesco, uma multinacional varejista britânica, implementou o uso da análise de micro expressões faciais com intuito de aumentar suas vendas.

Google e Facebook

Google e Facebook também já fazem o uso de análise da micro expressões faciais para melhorar a experiência com o usuário. Isso ficou tão bom que eles sabem muito mais de nós do que nós mesmos.

 

Redpepper

A agência de publicidade Redpepper, criou uma ferramenta que está sendo testada no Facebook chamada Facedeals. Essa ferramenta mapeia o rosto do usuário e faz um banco de dados sobre suas atividades nas mídias sociais. Com isso, fornecem informações para empresas para ganhar descontos, dentre outras vantagens.

 

Nike

A Nike vem fazendo testes para melhorar a experiência dos consumidores de seus produtos, com uso de softwares que fazem mapeamento de micro expressões faciais. Em breve teremos novidades bem interessantes.

Douwe Egberts

A empresa de café da África do Sul, Douwe Egberts, desenvolveu uma ideia de marketing utilizando a tecnologia de reconhecimento facial. A empresa montou uma máquina de café no Aeroporto Internacional OR Tambo. A máquina de café usava o reconhecimento facial para detectar quando os viajantes estavam bocejando enquanto passavam. Para aqueles que bocejaram, foi instantaneamente dispensado ​​uma xícara de café da máquina de venda automática.

https://youtu.be/PAfS_9zM8DE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *